...

Ls Advogados

Direito Trabalhista e Previdenciário

Direitos na Demissão: Conheça os Principais Direitos Trabalhistas Desrespeitados no Brasil

Quando um trabalhador é demitido no Brasil, é fundamental que ele esteja ciente dos seus direitos trabalhistas para garantir que não sejam desrespeitados. Infelizmente, em muitos casos, alguns direitos são negligenciados pelas empresas, o que pode causar prejuízos aos trabalhadores. Neste artigo, vamos abordar os direitos trabalhistas mais comuns de serem desrespeitados durante uma demissão sem justa causa.

Aviso Prévio

O aviso prévio é um direito garantido ao trabalhador que está sendo demitido sem justa causa. De acordo com a legislação brasileira, o empregador deve comunicar a demissão com antecedência, permitindo que o trabalhador tenha tempo para se planejar e buscar uma nova colocação no mercado de trabalho. O período de aviso prévio pode variar de acordo com o tempo de serviço do trabalhador na empresa, sendo de no mínimo 30 dias.

Saldo de Salário

O saldo de salário é outro direito que frequentemente é desrespeitado nas demissões sem justa causa. Esse direito se refere ao pagamento dos dias trabalhados até a data da demissão. Ou seja, o trabalhador tem o direito de receber o valor proporcional aos dias trabalhados no mês da demissão, incluindo também o pagamento de horas extras, se houver.

Férias Proporcionais e Vencidas

Outro direito que pode ser desrespeitado na demissão é o pagamento das férias proporcionais e vencidas. O trabalhador tem direito a receber o valor correspondente às férias proporcionais, ou seja, o período de férias a que teria direito caso não tivesse sido demitido. Além disso, caso o trabalhador tenha férias vencidas, ou seja, que não foram tiradas no período correto, ele também tem direito a receber o valor correspondente a essas férias.

13º Salário Proporcional

O 13º salário é um direito garantido a todos os trabalhadores e também deve ser pago de forma proporcional na demissão sem justa causa. O valor do 13º salário proporcional é calculado com base no período trabalhado no ano. Portanto, caso o trabalhador seja demitido antes do final do ano, ele tem direito a receber o valor proporcional aos meses trabalhados.

Liberação do FGTS e Multa rescisória

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) é uma poupança que todo trabalhador possui e que deve ser depositada mensalmente pelo empregador. Na demissão sem justa causa, o trabalhador tem direito a sacar o saldo do FGTS, além de receber uma multa rescisória de 40% sobre o valor total depositado durante o período de trabalho.

Seguro-Desemprego

Outro direito que pode ser desrespeitado na demissão é o acesso ao seguro-desemprego. O seguro-desemprego é um benefício concedido ao trabalhador que foi demitido sem justa causa e que atenda aos requisitos estabelecidos pela legislação. Esse benefício tem como objetivo garantir uma renda temporária ao trabalhador enquanto ele busca uma nova colocação no mercado de trabalho.

É importante ressaltar que, caso algum desses direitos seja desrespeitado na demissão sem justa causa, o trabalhador pode buscar seus direitos na Justiça do Trabalho. Para isso, é recomendado que ele procure um advogado especializado na área trabalhista para orientá-lo e representá-lo durante o processo.

Em suma, conhecer os direitos trabalhistas é fundamental para que o trabalhador possa garantir que eles sejam respeitados em caso de demissão sem justa causa. Acompanhar de perto o cumprimento desses direitos é essencial para evitar prejuízos financeiros e assegurar uma transição mais tranquila para um novo emprego.

Compartilhe:

Marcel Sanches
Marcel Sanches

Advogado na Ls Advogados. Especialista em Direito Privado e Atuação nos Tribunais Superiores. Utilizou IA para colocar esta camisa social, pois não queria tirar uma nova foto.

Últimos Posts

ler dort direito trabalhista

Lesão Por Esforço Repetitivo: Quais São Seus Direitos Trabalhistas por LER/DORT?

A Lesão por Esforço Repetitivo (LER), ou Distúrbio Osteomuscular Relacionado ao Trabalho (DORT), é uma condição comum entre trabalhadores...

como provar doenca do trabalho

Como Provar Doença do Trabalho Para Ser Indenizado?

Os trabalhadores que desenvolvem doenças ocupacionais têm direito a vários benefícios e garantias. Esses direitos são oferecidos tanto pelo...

direitos trabalhistas em casos de demissão por doença

Fui Demitido Doente. O Que Fazer? Posso Processar?

A demissão por doença é uma questão delicada que envolve diversos direitos trabalhistas. O artigo explora três principais cenários:...

Proteção e Estabilidade no Trabalho

Como Funciona o Direito à Estabilidade Provisória no Trabalho

A estabilidade provisória no trabalho é uma proteção legal que assegura a permanência do emprego em situações específicas, como...

advogada demissao gestante

Advogado Demissão Grávida: Como um Advogado Especialista na Demissão Grávida Pode Ajudar?

Foi demitida durante a gravidez? Um advogado demissão grávida especialista pode te ajudar a garantir seus direitos trabalhistas e...

demissao gravida aviso previo direitos da gestante demitida aviso previo aviso previo gestante

Demissão Grávida: Aviso Prévio Tem Estabilidade da Gestante e Indenização

Quando uma empregada descobre que está grávida, seja no curso do aviso prévio trabalhado ou no período coberto pelo...

pode demitir gravida na experiencia ls advogados

Grávida Pode Ser Mandada Embora na Experiência?

A grávida não pode ser demitida na experiência, pois o Tribunal Superior do Trabalho já decidiu, com base na...

fui demitida gravida e nao quero voltar ls advogados

Fui Demitida Grávida e Não Quero Voltar. E Agora, O Que Fazer?

Fui demitida grávida e não quero voltar, o que fazer? A grávida tem o direito de escolher se quer...

gestante demitida não é obrigada a voltar ao trabalho

Gestante Não é Obrigada a Voltar ao Trabalho – Decisão do TRT2

A legislação trabalhista desempenha um papel crucial ao salvaguardar os direitos das mulheres gestantes no ambiente de trabalho. Essa...

fui demitida gravida e agora advogado trabalhista ls advogados

Fui Demitida Grávida. O Que Fazer?

A gestante demitida grávida que não quer voltar pode optar pela indenização no lugar da reintegração.

Áreas do Blog

1 Comentário

  • […] de trabalho e as leis específicas de cada localidade ou setor – não é à toa que é um dos direitos trabalhistas mais desrespeitados, conforme vemos no […]

Deixe Seu Comentário
(Caso Deseje Realizar Uma Consulta, Entre Em Contato Através do WhatsApp):

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

whatsapp advogado online
Seraphinite AcceleratorOptimized by Seraphinite Accelerator
Turns on site high speed to be attractive for people and search engines.